3 thoughts on “Vampiro, n.6

    1. Dá pra usar sim. O programa é bem chatinho, cheio de frescuras e inutilidades, mas com o tempo a gente pega as manhas…

Deixe uma resposta para Rubens Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *